Raúl o que é que mudava se a sua mulher “aceitasse as coisas”?

 

– Como tem sentido a Lurdes, Raul?

-Vejo que não está em condições. Ela que diga. Digo ou não que não estás bem?

– E como vê isso Raul, que a Lurdes não está bem?

– É simples, conheço-a, desvia o olhar, começa a arrastar a voz, desinteressa-se pelas coisas, esquece-se do que combinamos, deixa de se importar… e todos, atenção que não sou só eu … todos reparamos que a Lurdes não está bem…

– Lurdes sabia que lá em casa andam a reparar aue não está bem?

– Sim, o meu marido, a minha mãe e mesmo os meus filhos já me têm dito, mas é assim que me sinto, sem vontade, sem ânimo!

– E na sua opiniāo o que será necessário a je aconteça para que se sinta melhor?

– Nem eu sei, às vezes até me sinto pateta, na realidade nem teria razões para me sentir assim, mas sinto.

– Razões devem existir, só não estamos é a conseguir dar-lhe um nome, um significado. Rita, quer dar o seu contributo enquanto filha?

– Para mim é óbvio, a mãe era muito ativa e muito ligada ao pai, nosso avô, e há 4 anos com o desemprego, veio para casa, a mãe sempre trabalhou naquele escritório, foram 18 anos, e a seguir, 7 meses depois o pai morreu … de repente, e tudo mudou…

– Fernando concorda com a sua irmã?

– Sim, de facto a mãe não ultrapassou essas duas situações… nem médicos, nem medicamentos, nada a faz feliz … no fundo porque a mãe ainda não aceitou estes acontecimentos…

– Raúl o que é que seria diferente, ou melhor, o que mudava na vossa vida se a sua mulher “aceitasse” estes acontecimentos?

– Mudava tudo…

[A narração, personagens e nomes são fictícios, apenas ilustra temas que são causa de problemas familiares e que podem ser trabalhados em consulta.]

Alexandra Alvarez I Terapeuta Familiar e de Casal I Agendamentos de Consultas : Telemóvel n° 911 846 427

 

 

 

 

 

Publicado por Terapia Familiar e de Casal - Alexandra Alvarez

Olá, sou Alexandra Alvarez, mãe de 5 filhos, terapeuta familiar e de casal, formadora e supervisora. Faço consultas com famílias e casais para "fazer acontecer" relações positivas! Uma nova oportunidade, para que todos sejam ouvidos e para que todos possam ouvir, numa perspetiva de entendimento e reforço de competências. " Family trainer " (inspiração no personal trainer), num modelo aproximado de coaching familiar, parental e de casal! Com paixão!

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: