O QUE MUDA?

cropped-mc3a3e_galobom A vida familiar imprime ritmos e rotinas que responsabilizam muito os adultos da casa, e de entre os adultos no geral, a mãe assume muito dessa responsabilidade, não vá ser julgada como má mãe, irresponsável, desorganizada. E parece que ainda é muito pior isso do que um mau pai, irresponsável, desorganizado e que possa ser julgado como mau pai.

Para a mãe, viver com esta possibilidade não é viável e, então, na sua maioria as mães concluem que não param, e estando em casal querem que o o seu par não pare também.

Mas como há uns que param mais do que outros, rapidamente se ouvem as mulheres e mães a “reclamar” presenças e tarefas, alguns homens e pais também, mas em menor número.

_mg_2169_ppAssim, se ela chega primeiro o que chega a seguir sente que não esteve lá, que n\ao contribuiu, que está em falta, e aqueles pequenos stresses surgem. Se calhar até se pensa que para a próxima o melhor é chegar tarde mesmo, do estilo já todos jantaram e a cozinha já está arrumada.

 

Curiosamente, se o adulto vive em modo monoparental, e em especial com filhos a partir dos 10 anos, chegue a que hora chegue não vai ter ninguém a reclamar a antecipação da sua chegada, aliás, quando ele, adulto, começar a mobilizar os filhos, o que vai ouvir não é que chegou tarde mas antes que há tempo e não é preciso fazer tudo a correr.

E, de certa forma, este adulto, que pode ser mãe ou pai, acaba por não sentir que já está atrasado para uma série de coisas.

Os filhos são à mesma filhos, os relógios marcam as mesmas horas em todas as casas, as tarefas são as mesmas, mas parece que na segunda versão é permitido desacelerar…de repente as mesmas pessoas comportam-se de modo diferente porque a circunstância diferente é!

Que interessante…

Na sua opinião qual é a diferença?

Alexandra Alvarez I Terapeuta Familiar e de Casal I 911 846 427

Publicado por Terapia Familiar e de Casal - Alexandra Alvarez

Olá, sou Alexandra Alvarez, mãe de 5 filhos, terapeuta familiar e de casal, formadora e supervisora. Faço consultas com famílias e casais para "fazer acontecer" relações positivas! Uma nova oportunidade, para que todos sejam ouvidos e para que todos possam ouvir, numa perspetiva de entendimento e reforço de competências. " Family trainer " (inspiração no personal trainer), num modelo aproximado de coaching familiar, parental e de casal! Com paixão!

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: