Casais que não dividem contas e multiplicam problemas…

cropped-mc3a3e_galobom Ontem abordámos uma parte das questões financeiras em casal.

Hoje apeteceu-me continuar no tema, isto porque são várias as opções que os casais podem fazer quanto à gestão das finanças: Ter cada um a sua conta e uma conta para as despesas comuns; ter uma única conta; cada um tem a sua conta e as despesas são definidas em proporção para cada um, entre outras mil formas concerteza…

Mas há sempre uma altura em que se tem que decidir que é responsável de pagar o quê.

Pode acontecer que a casa seja só de um, pelo que também essa questão tem que ser falada abertamente.

cropped-cropped-cropped-alex_recorte_pp.jpg
Alexandra Alvarez I Terapeuta Familiar

Pode acontecer que um ganhe mais do que o outro. Como tornar esse aspeto “liquido” para ambos?

É tão importante, mas tão importante!

E quando se trata de casais em segunda relação as questões ainda podem ganhar contornos mais trabalhosos. Podem haver filhos que são só de um, podem haver despesas e compromissos que só um tem, ou que se tiverem ambos podem ser em proporções diferentes, podem existir hábitos e padrões muito distintos na organização da vida financeira…enfim!

Curiosamente este é um tema “quente”…algo considerado privado…mas numa vida a dois o privado não coabita, sob pena de ser gerador de tensões.

Eis as perguntas que todos temem:

Qual o valor do teu ordenado? E subsídios recebes?

Até quando estás disponível contribuir para o orçamento comum?

Tens contas poupança?

Tens questões financeiras pendentes no banco de Portugal?

E dívidas?

Tens seguros?

Como pensas que nos vamos organizar?

Se no casal não há abertura para colocar estas questões alguma reflexão deve existir, pois os temas sensíveis são temas que provavelmente serão dos mais importantes pelas frituras que podem gerar nas relações. Mas a abertura tem que existir tanto para colocar as questões, como para aceitar que elas sejam colocadas, sem criticas, sem juízos!

 Só assim será possível a construção do nós!

vamos falar daquilo que nos pode ser incómodo: não há como não falar, certo?

Partilho o link abaixo por considerar que pode oferecer uma ferramenta interessante: https://www.economias.pt/como-dividir-as-contas-do-casal/

 

Alexandra Alvarez I Terapeuta Familiar I Telefone: 911 846 427

Publicado por Terapia Familiar e de Casal - Alexandra Alvarez

Olá, sou Alexandra Alvarez, mãe de 5 filhos, terapeuta familiar e de casal, formadora e supervisora. Faço consultas com famílias e casais para "fazer acontecer" relações positivas! Uma nova oportunidade, para que todos sejam ouvidos e para que todos possam ouvir, numa perspetiva de entendimento e reforço de competências. " Family trainer " (inspiração no personal trainer), num modelo aproximado de coaching familiar, parental e de casal! Com paixão!

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: