Nas famílias há sempre alguém identificado pelos outros como…

logo_final E porque hoje é quinta-feira, a minha rubrica “Detesto Rotinas”.

Nas famílias quase sempre é assim, há um de nós que é aquele que todos identificam como tendo o ou um problema!

A família habitua-se que aquele familiar tem comportamentos peculiares, que já todos esperam que aconteçam, e que se não acontecem acabam por acontecer, e todos aprendem a lidar com destreza e habilidade com essa situação.

O tal “um de nós” é um ele que dá imenso jeito, explica muita coisa, desde a falta de humor de uns, ao cansaço de outros e ao silêncio ou outras reações que existam.

Fala-se dele na 3ª pessoa, como se ele não estivesse lá e decide-se o que é melhor para si. Todos sabem que ele pode dizer coisas inadequadas, assustar os outros com as suas reações, não ter noção das horas, mobilizar os outros para que a situação não piore e quereres fortes que se traduzem no JÁ ou NÃO ME ACALMO.

ovelha negra

As noções perdem-se e as desculpas impõem-se pelo susto que causam a uns e a outros.

Pijamas na rua, pratos partidos, livros rasgados, ofensas verbais e corporais obrigam a uma vigilância da medicação que se toma ou que se devia tomar, porque ninguém gosta de ficar tipo “que dia é hoje?”

Empregos perdidos. Relações comprometidas. Desentendimentos. A ameaça de voltar ao internamento. A sombra da consulta. Loucuras que só o são para quem se considera com sanidade.Oscilações de humor. Confianças abaladas. Situações fora de controle.

FALHADOS!!! Quem???? Nem sei bem…

Todos querem ajudar na recuperação. O “tal” ora funciona como “amuleto”, devido aos momentos partilhados que se desejam, ora funciona “como gato preto”pelos azares que os outros consideram que lhe estão associados.

E é esta uma das rotinas com que muitas famílias lidam. As loucuras de uns, passam a justificar as dos outros, e assim a diferença entre uns e outros esbate-se.

Abaixo o trailer de um excelente filme que nos mostra as confianças abaladas, os julgamentos e a luta por estratégias de bem estar.

Alexandra Alvarez I Terapeuta Familiar, Parental e Conjugal

Publicado por Terapia Familiar e de Casal - Alexandra Alvarez

Olá, sou Alexandra Alvarez, mãe de 5 filhos, terapeuta familiar e de casal, formadora e supervisora. Faço consultas com famílias e casais para "fazer acontecer" relações positivas! Uma nova oportunidade, para que todos sejam ouvidos e para que todos possam ouvir, numa perspetiva de entendimento e reforço de competências. " Family trainer " (inspiração no personal trainer), num modelo aproximado de coaching familiar, parental e de casal! Com paixão!

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: